Notícias » Arqueologia

Navio do século 19 com 12 metros de comprimento é encontrado na Letônia

Embarcação estava parcialmente encoberta por areia em uma praia e escondia surpreendente tamanho

Isabela Barreiros Publicado em 21/10/2021, às 14h43

Barco encalhado em praia da Letônia
Barco encalhado em praia da Letônia - Divulgação/Rīgas brīvostas pārvalde

No começo do mês, funcionários da autoridade portuária letã avistaram um navio encalhado na areia da praia de Daugavgrīva, perto de Riga, capital da Letônia. Parcialmente coberta, a embarcação aparentava ter apenas 1,3 metro por 4 metros.

No entanto, quando o nível da água do mar subiu e o barco desapareceu, ressurgindo pouco tempo depois, foi possível perceber que era muito maior do que parecia. Na verdade, a descoberta apresentava 12 metros de extensão e 3,5 metros de largura.

Detalhe do navio descoberto na Letônia / Crédito: Divulgação/Rīgas brīvostas pārvalde

 

De acordo com o site letão lsm.lv., trata-se de uma embarcação que remonta ao século 19, pois a área costeira em que ela foi encontrada foi estabelecida naquele período, o que dá entre 150 e 200 anos ao barco. 

Uma equipe de especialistas do Escritório e Porto Livre de Riga foi responsável por examinar a descoberta recentemente, quando o veículo marítimo ressurgiu na praia, revelando sua verdadeira dimensão. Eles escavaram o local e descobriram detalhes.

O material usado para a construção do navio foi carvalho. Além disso, ele estava coberto por tábuas de 25 centímetros de largura e 8 centímetros de espessura, presas por pinos de madeira e cobre, o que indicava que a embarcação também estava envolta por placas do último elemento.

Embarcação do século 19 encontrada em praia / Crédito: Divulgação/Rīgas brīvostas pārvalde

 

Isso foi importante para que os pesquisadores pudessem definir a função exercida pelo barco no passado. Quando havia cobre no navio, o mais provável é que ele fosse um veículo de guerra ou mercante, além de navegar distâncias longínquas.

A descoberta foi coberta novamente no local úmido da praia com o objetivo de ser protegido de possíveis danos, ação definida pelas autoridades do país. O Conselho do Patrimônio Cultural Nacional da Letônia também tem intenção de tornar o navio um monumento cultural da Letônia.