Notícias » Entretenimento

Netflix: Veja 6 documentários impressionantes que estreiam em setembro

A história da explosão de um ônibus espacial, as visitas espirituais de Papa Francisco e um homicídio contado através de imagens de câmeras de segurança: conheça o que chega na plataforma neste mês

Ingredi Brunato Publicado em 31/08/2020, às 18h08

Montagem com imagens ilustrativos de alguns dos documentários que irão sair em setembro
Montagem com imagens ilustrativos de alguns dos documentários que irão sair em setembro - Divulgação/Netflix

1. O Dilema das Redes (9 de setembro)

Divulgação: Netflix 

 

Esse documentário provocativo traz especialistas em tecnologia e profissionais de informática para falarem sobre as redes sociais. Entre alguns dos alertas chocantes feitos pelos entrevistados, aparece não só o vício, mas também a possível devastação das democracias.


2. Contornando a morte (15 de setembro)

Divulgação: Netflix

 

O filme acompanha a jornada tocante de um físico tailandês que perdeu sua filha de 2 anos para o câncer, e juntamente com sua esposa, decide congelar o corpo da menina em líquido criogênico. 

A técnica polêmica aposta em um futuro onde seria possível tirar essas pessoas do gelo e acordá-las novamente. Ou, em outras palavras, revivê-las em um mundo melhor e mais evoluído. A garotinha, chamada Einz, seria a pessoa mais jovem do mundo a passar pelo processo. 


3. Challenger: Voo Final (16 de setembro)

Divulgação: Netflix 

 

Com estreia prevista para 16 de setembro, esse documentário reconstrói a história do ônibus espacial Challenger, que explodiu em sua décima missão, resultando na morte direta dos sete tripulantes. Familiares, engenheiros e oficiais dão entrevistas nessa produção investigativa, para ajudar o público a entender como se deu a tragédia. 


4. Uma Canção para Latasha (21 de setembro)

Divulgação: Netflix 

 

O documentário relembra a morte de Latasha Harlins, menina negra de apenas 15 anos que foi morta a tiros por uma dona de loja de conveniência. Apesar de condenada, no entanto, a assassina de Latasha não foi presa, o que serviu de faísca para manifestações tomarem as ruas de Los Angeles em 1992.


5. Papa Francisco: Um Homem de Palavra (21 de setembro)

Crédito: Divulgação/Pixabay 

 

Nesse filme de 2018, o cineasta Wim Wenders pegou carona nas viagens do Papa Francisco pelo mundo, na busca de entender como eram essas visitas espirituais realizadas pelo pontífice, e quais as respostas que ele fornecia a respeito de questões globais como morte, justiça social, imigração, meio ambiente, desigualdade econômica e o papel da família. 


6. Cenas de um Homicídio: Uma Família Vizinha (30 de setembro)

Crédito: Divulgação/Netflix

 

Esse documentário forte conta a história indigesta de Chris Watts, um homem que matou a esposa grávida e as duas filhas em agosto de 2018, nos Estados Unidos. Para ilustrar como tudo se desenrolou, são usadas imagens das câmeras de segurança locais, como se o leitor estivesse no próprio lugar dos investigadores do crime. 

Foram justamente esses registros visuais que levaram Chris à prisão, também, onde ele também admitiu ter cometido o horrendo assassinato.