Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Nigeriano

Nigeriano é espancado e morto por italiano e pedestres assistem sem reagir

Além de ter sido espancado até a morte com sua própria muleta em plena luz do dia, o nigeriano também foi roubado

Luisa Alves, sob supervisão de Thiago Lincolins Publicado em 01/08/2022, às 18h33

Nigeriano é espancado até a morte em ruas da Itália - Reprodução/Redes Sociais
Nigeriano é espancado até a morte em ruas da Itália - Reprodução/Redes Sociais

O nigeriano Alika Ogorchukwu, 39, foi assassinado depois de ser agredido nas ruas de uma cidade litorânea na Itália. Ele foi espancado até a morte por um cidadão italiano que também roubou seu celular.

Ogorchukwu trabalhava como ambulante em uma rua de Macerata, comuna italiana. O caso ocorreu nesta sexta-feira, 29, às 14h na principal rua central de Civitanova Marche.

Ele deixou um filho de 8 anos e sua esposa, que serão ajudados por uma campanha de arrecadação de fundos, e como anunciado pelo prefeito de Civitanova Marche, as depesas de seu funeral serão pagas pelo município.

Como informa o Uol, Charity Oriachi, a esposa do nigeriano disse a jornalistas, que espera que a justiça seja feita: "Itália, não me deixe sozinha", pediu. Ogorchukwu foi perseguido e agredido com sua própria muleta. Ele foi atropelado por um carro no ano passado, quando andava de bicicleta e precisava do apoio para se locomover. 

Agressão com espectadores

O caso gerou grande repercussão e provocou protestos em torno do racismo. No vídeo que mostra o momento da agressão, é visível que nenhum pedestre tenta impedir a violência. É possível apenas ouvir duas pessoas gritando: "pare, pare imediatamente" e "Você está matando ele".

O agressor Filippo Ferlazzo, 32, foi preso por assassinato e roubo. Seus advogados defendem que o homem sofria de problemas psicológicos.

A embaixada nigeriana em Roma está colaborando com as autoridades italianas para dar assistência à família e garantir que a justiça seja feita:

O incidente ocorreu em uma rua movimentada e na frente de espectadores chocados, alguns dos quais fizeram vídeos do ataque, com pouca ou nenhuma tentativa de impedi-lo", disse a embaixada.

O site Aventuras na História está no Helo! Não fique de fora e siga agora mesmo para acessar os principais assuntos do momento e reportagens especiais. Clique aqui para seguir.