Notícias » Egito

No Egito, dois trens se chocam deixando 32 mortos e mais de 150 feridos

O acidente ferroviário aconteceu na última sexta-feira, 26, em Sohag — as causas ainda são indefinidas

Alana Sousa Publicado em 27/03/2021, às 09h45

Imagem do acidente de trem no Egito
Imagem do acidente de trem no Egito - Divulgação/Twitter

Na última sexta-feira, 26, um acidente entre dois trens no departamento de Sohag, localizado no Egito, deixaram ao menos 32 mortos e mais 150 pessoas feridas, conforme repercutiu o portal UOL.

O Ministério da Saúde do país anunciou o desastre, afirmando em comunicado que: “Trinta e dois cidadãos morreram (...) na colisão de dois trens em Tahta, no departamento de Sohag”. Em coletiva de imprensa, Hala Zayed, ministra da saúde, alegou que o número de feridos chegava a 165, muitos deles com fraturas.

O estrago foi grande, com vários vagões tombados, e necessitou de mais de dez ambulâncias para socorrer as vítimas. O presidente do país, Abdel Fatah al Sisi, anunciou que as pessoas afetadas pelo acidente receberão uma indenização que pode chegar até 36 mil reais para a família dos falecidos e, para os machucados, até 15 mil reais.

Segundo afirmaram as autoridades ferroviárias, o acidente entre o trem Luxor-Alexandria e o trem Aswan-Cairo ocorreu devido a cidadãos que “acionaram em vários vagões o freio de emergência” em um dos veículos. Ainda assim, uma investigação foi aberta para definir a causa da tragédia.