Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Brasil

No Pará, 5 pessoas são presas em investigação de trabalho similar ao escravo

Ação ocorreu nesta quinta-feira, como parte da Operação São Lucas

Isabelly de Lima, sob supervisão de Ingredi Brunato Publicado em 30/06/2022, às 16h25

Fotografia de local investigado - Divulgação / Polícia Federal
Fotografia de local investigado - Divulgação / Polícia Federal

A Operação São Lucas, da Polícia Federal, investiga uma comunidade que é suspeita de submeter pessoas a situações de trabalho análogo à escravidão, além de possivelmente cometer tortura e crimes contra dignidade sexual de crianças e adolescentes no Pará.

Como resultado dos esforços das autoridades, foram cumpridos dois mandados de prisão preventiva e três de prisão temporária nesta quinta-feira, 30, de forma que, no total, cinco suspeitos de envolvimento nas atividades criminais foram detidos. 

Operações de busca e apreensão realizadas em Baião, nordeste paraense, e Tucuruí, sudeste paraense, tiveram como alvo uma "comunidade que se denomina religiosa e existe desde 1997", de acordo com informações da PF.

No início, supostamente havia uma espécie de 'regra igualitária' em que o resultado do trabalho de todos seria dividido entre todos os participantes da comunidade. Porém, com o tempo, os líderes da comunidade começaram explorar o trabalho de todos os demais participantes", alegou a PF.

As apreensões

A ação é realizada em conjunto da PF, Ministério Público Federal, Ministério Público do Trabalho, Ministério do Trabalho e outros órgãos federais. Celulares e dinheiro foram apreendidos na operação, que segue em andamento, segundo repercutido pelo g1.

Até o momento, não foi revelada a localização da comunidade investigada, assim como o balanço total de itens apreendidos, há quanto tempo aconteciam os crimes ou se alguém foi resgatado das condições de trabalho similar ao escravo. A identidade dos investigados também não foi informada.