Notícias » Estados Unidos

Nos EUA, mulher é detida por enviar cartas com fotos de homens pelados

Sarah Pharis foi presa pela segunda vez pela ação que, até agora, permanece sem explicação

Alana Sousa Publicado em 16/01/2021, às 11h00

Imagem meramente ilustrativa de cartas
Imagem meramente ilustrativa de cartas - Divulgação/Pixabay

Nos Estados Unidos, uma mulher de 32 anos, chamada Sarah Pharis foi presa após enviar pelo correio fotos de homens pelados. Essa é a segunda vez que a americana é detida pela polícia pela ação, ainda não se sabe quais são suas motivações.

A primeira vez que Pharis foi capturada aconteceu o dia 28 de dezembro, quando as autoridades a acusaram de enviar foto de um sujeito nu para 30 pessoas. Apesar do homem não ser identificado, é contra lei que Sarah faça isso, violando o direito de imagem privada.

Na ocasião ela pagou uma fiança de 397 mil reais e foi liberada. Entretanto, na última sexta-feira, 15, a mulher que detida novamente. Desta vez, as cartas mostravam outro homem sem suas roupas, que assim como a primeira vítima, não foi reconhecido.

Após pagar cerca de 79 mil reais em fiança, Sarah agora espera o julgamento em liberdade. Ainda que solta, Pharis responderá no futuro por de divulgação não consensual de imagem privada. Quando à repercussão das imagens, não se tem notícia, assim como a razão por trás das cartas.