Notícias » Estados Unidos

Nos EUA, mulher luta contra puma para salvar filho de cinco anos

O ataque desse animal é considerado um fenômeno raro no país

Giovanna Gomes, sob supervisão de Penélope Coelho Publicado em 30/08/2021, às 10h28

Imagem ilustrativa de puma
Imagem ilustrativa de puma - Imagem de Sabolaslo por Pixabay

Uma mãe salvou seu filho de cinco anos de um ataque de puma no estado da Califórnia, nos EUA, segundo informações do UOL. O menino brincava do lado de fora da residência onde vivia, em Calabasas, quando foi surpreendido pelo felino, que começou a arrastá-lo pelo gramado.

De acordo com o portal de notícias, a mulher, felizmente, estava atenta e correu para ajudar o pequeno. Sem pensar duas vezes, ela bateu no animal com as próprias mãos forçando-o a soltar a criança. Depois, o puma acabou sendo morto a tiros pelas autoridades.

Ele foi encontrado agachado entre os arbustos com as "orelhas para trás e sibilando", conforme informou o departamento de vida selvagem da Califórnia. As autoridades acreditam que, por se tratar de um animal jovem, ele ainda estaria aprendendo a se virar sozinho na natureza, o que explicaria o ataque incomum.

Apesar de na hora não ter completa certeza de que aquele era o animal que havia atacado o menino, um profissional atirou, "por causa do seu comportamento e da proximidade com o local do ataque". Mais tarde, a partir de um teste de DNA, a equipe confirmou a suspeita.

O menino foi levado para um hospital em Los Angeles e se encontra em estado estável, apesar de ter sofrido ferimentos na cabeça e no torso.