Notícias » Estados Unidos

Nos EUA, ração causa morte de 70 cães e deixa outros 80 animais doentes

Fabricado pela empresa Midwestern Pet Foods, os alimentos estão sendo retirados dos mercados enquanto a companhia passa por investigação

Alana Sousa Publicado em 14/01/2021, às 12h00

Imagem meramente ilustrativa
Imagem meramente ilustrativa - Divulgação/Pixabay

Nos Estados Unidos, uma empresa fabricante de rações para animais está retirando todos os seus produtos do mercado. A decisão veio após a morte de 70 cachorros e pelo menos outros 80 serem diagnosticados com alguma doença. A informação foi divulgada pela BBC.

Com sede em Indiana, a Midwestern Pet Foods está sendo investigada pela Food and Drug Administration (FDA). Até o momento, sabe-se que os alimentos possuem níveis altos de substâncias perigosas — como aflatoxinas, variante do mofo.

Em comunicado, a FDA afirmou: “Em 11 de janeiro de 2021, a FDA está ciente de mais de 70 animais de estimação que morreram e mais de 80 animais de estimação que estão doentes depois de comer ração Sportmix”.

A retirada da ração dos mercados americanos teve início em dezembro, sendo que apenas a Sportmix havia sido denunciada na morte de, pelo menos, 28 cães. Desde então, outras marcas foram indicadas como causa do óbito de mais animais. Segundo a companhia, essa é a primeira vez, desde sua fundação em 1926, que acontece algo desta natureza.

Em declaração, a empresa disse: “Continuamos uma revisão completa de nossas instalações e práticas em total cooperação com a FDA em um esforço para melhor atender nossos clientes e pais de animais de estimação que depositaram sua confiança em nós”.