Notícias » Arqueologia

Novas escavações serão realizadas no local da Batalha de Grunwald, na Polônia

Pesquisadores já encontraram artefatos como broches, pontas de flecha e espadas no sítio arqueológico

Isabela Barreiros Publicado em 24/08/2020, às 14h23

Um dos artefatos encontrados durante escavações na Polônia
Um dos artefatos encontrados durante escavações na Polônia - Divulgação/Science in Poland

Há alguns anos, pesquisadores realizam escavações no sítio arqueológico onde, em 1410, aconteceu a Batalha de Grunwald, na Polônia. O conflito em questão foi uma ofensiva da Ordem dos Cavaleiros Teutônicos contra as forças unidas do Reino da Polônia e do Grão-Ducado da Lituânia.

Ao longo desses trabalhos, inúmeros artefatos importantes foram encontrados. Agora, os arqueólogos da região anunciaram que irão realizar uma nova série de investigações no local em questão, focando na possível rota de fuga dos Cavaleiros Teutônicos.

“Este ano a pesquisa se concentrará, em sua maior parte, na identificação de possíveis rotas de retirada das forças da Ordem Teutônica”, afirmou o chefe do Museu da Batalha de Grunwald Szymon Drej, em coletiva de imprensa.

“Devido à pandemia, os trabalhos arqueológicos terão apenas a participação dos polacos. A chegada de lituanos e escandinavos para participar é simplesmente impossível este ano”, lamentou o especialista.

No entanto, ele mostrou novamente os itens impressionantes que já haviam sido encontrados na região durante outras escavações. Foram encontrados objetos como dois broches teutônicos inscritos com “Ave Maria”, pontas de flechas e parafusos, espadas medievais, fragmentos de machados, entre outros.