Notícias » China

Nove dos dez mineiros que ainda estão presos em decorrência de explosão em mina chinesa morreram, diz agência de notícias

No último dia 10 de janeiro, a explosão em uma mina de ouro de Qixia, na China, causou pânico no país

Penélope Coelho Publicado em 25/01/2021, às 07h50

Imagem ilustrativa da bandeira da China
Imagem ilustrativa da bandeira da China - Divulgação/Pixabay

De acordo com informações da imprensa estatal chinesa, publicadas nesta segunda-feira, 25, pela agência de notícias AFP, nove dos 10 trabalhadores que ainda estão presos na mina de ouro de Qixia, em Shandong, na China, foram encontrados mortos. A notícia foi divulgada pelo UOL

No último dia 10 de janeiro, uma explosão na mina chinesa deixou os moradores em pânico, quando 22 mineiros ficaram retidos a várias centenas de metros de profundidade. O ocorrido causou danos consideráveis na escada que dá acesso ao fundo da mina e nos cabos de comunicação, fazendo com que a saída fosse ainda mais complicada.

Segundo revelado na publicação, desde o incidente, 10 trabalhadores da mina morreram e 11 foram resgatados com vida, no último domingo, 24. A agência de notícias Xinhua informou que um mineiro ainda está desaparecido e é procurado pela equipe de resgate.

Sabe-se que atualmente a China é conhecida como a maior produtora de ouro do mundo, os acidentes envolvendo explosões são frequentes no país — que registra anualmente cerca de dezenas de milhares de mortes em acidentes de trabalho.