Notícias » Cultura

Obra inédita investiga 14 venenos e alguns crimes citados nas obras de Agatha Christie

Dicionário Agatha Christie de Venenos, de Kathryn Harkup, revela a ciência e o raciocínio lógico por trás dos livros da Dama do Crime

Redação Publicado em 23/11/2020, às 17h32

Escritora renomada Agatha Christie
Escritora renomada Agatha Christie - Wikimedia Commons

Considerada uma das maiores escritoras do gênero romance policial, Agatha Christietinha o costume de usar, em suas histórias, o veneno como principal método para matar as infelizes vítimas de seus livros. No entanto, o que poucas pessoas sabem, é que a autora não usava esse elemento por mera coincidência.

Durante a Primeira Guerra Mundial, Agatha Christie atuou como enfermeira voluntária num hospital de sua cidade, na Inglaterra. Em 1917, a escritora se especializou em um treinamento adicional para se qualificar aos pré-requisitos exigidos pela instituição.

[Colocar ALT]
Dicionário Agatha Christie de Venenos, de Kathryn Harkup (2020) / Crédito: Divulgação / Darkside

Nesta época, algumas receitas médicas eram feitas à mão pelos próprios funcionários. Como o trabalho exigia extremo cuidado, alguns venenos e substâncias perigosas eram verificadas antes de serem aplicadas. Tal fato rendeu à Dama do Crime um vasto conhecimento na área, e ao longo de sua vida, a autora montou uma biblioteca médico-legal.

Lançada no início deste mês pela Editora Darkside, a obra Dicionário Agatha Christie de Venenos, da química Kathryn Harkup, analisa 14 venenos citados nas obras de Agatha Christie. A autora investiga, ainda, como estes produtos químicos interagem no corpo humano.

Christie se aproveitou de seu detalhado conhecimento sobre substâncias perigosas para desenvolver as tramas. Usou venenos na maior parte dos livros, muito mais do que qualquer um de seus contemporâneos, e com alto grau de precisão, mas não esperava que o leitor tivesse perícia médica. Os sintomas e a eficácia das substâncias são descritos de modo sucinto e na linguagem cotidiana [...]. Compreender a ciência por trás dos venenos que Christie usava só permite apreciar ainda mais sua inteligência e criatividade ao tecer tramas”, disse Kathryn Harkup na apresentação de Dicionário Agatha Christie de Venenos.

Grande fã de Christie, Kathryn Harkup revela alguns casos reais que podem ter inspirado a Dama do Crime a escrever suas obras. Além disso, a autora fez uma minuciosa pesquisa com um resumo detalhado de todos as mortes relacionadas à veneno presentes nas obras de Christie.

Disponível na Amazon em formato de capa dura, esta obra foi feita para leitores que além de se interessarem por mistérios e crimes reais, também apreciam conhecer a ciência e o raciocínio lógico por trás de uma das maiores mentes literárias. Dicionário Agatha Christie de Venenos conta, ainda, com a ilustre tradução de Camila Fernandes.


+Saiba mais sobre esta e outras relacionadas ao tema, disponíveis na Amazon:

Dicionário Agatha Christie de Venenos, de Kathryn Harkup (2020) - https://amzn.to/3kZ1s2Y

O Misterioso Caso de Styles, de  Agatha Christie (2014) - https://amzn.to/32WPdx3 

Morte no Nilo, de Agatha Christie (2020) - https://amzn.to/2QXyrZb

E não sobrou nenhum, de Agatha Christie (2014) - https://amzn.to/2F8KPTf

O Assassinato de Roger Ackroyd, de Agatha Christie (2014) - https://amzn.to/2DuMTVr

Assassinato no Expresso do Oriente, de Agatha Christie (2020) - https://amzn.to/3bz6PD5

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp 

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W