Notícias » Cultura

Obra inédita reúne 30 artistas brasileiros que analisam a sociedade contemporânea

“Ulrich Obrist: Entrevistas brasileiras vol. 2”, do curador suíço Hans Ulrich Obrist, conta com ilustres entrevistas, como do músico Emicida

Victória Gearini | @victoriagearini Publicado em 14/04/2021, às 17h04

Imagem meramente ilustrativa
Imagem meramente ilustrativa - Divulgação / Pixabay

Recém-lançada pela Editora Cobogó, a obra “Ulrich Obrist: Entrevistas brasileiras vol. 2”, do curador suíço e historiador da arte Hans Ulrich Obrist, reúne 30 artistas, antropólogos, músicos, cineastas e pensadores contemporâneos que construíram suas trajetórias no Brasil a partir de meados da década de 1980. 

Por meio de diversos diálogos, o autor apresenta questões pertinentes à sociedade moderna, como o circuito decolonial de arte, a luta de artistas racializados, expressões indígenas, pensamentos não-binários e a construção intrínseca da arte na sociedade atual.

[Colocar ALT]
Ulrich Obrist: Entrevistas brasileiras vol. 2, de Hans Ulrich Obrist (2021) / Crédito: Divulgação / Editora Cobogó

Diretor artístico da Serpentine Gallery, em Londres, Hans Ulrich Obrist viaja ao redor do mundo com suas exposições há mais de 30 anos. Ao longo de três décadas, o curador de arte se deparou com diversos artistas de todo o mundo. A partir disso, o autor pôde conhecer diferentes nacionalidades e trocar experiências artísticas e sociais distintas. 

As entrevistas presentes neste volume se deram a partir de 2014, entre elas com o músico Emicida, o cineasta Karim Aïnouz, a antropóloga Sandra Benites e a arquiteta Carla Juaçaba. De acordo com o autor, as conversas aconteceram em ateliês, espaços de exposição, aeroportos e aviões. Contudo, devido a pandemia da COVID-19, os encontros passaram a acontecer de maneira virtual. 

“O cenário que se anuncia é de aumento da desigualdade. Entramos em uma nova era de imaginação social e política. Nesse contexto, são necessárias iniciativas capazes de apoiar a arte, que, aliás, mostrou sua força de transformação no momento em que o mundo fechou as portas e as pessoas precisaram se refugiar em suas casas”, disse o curador de arte.

No decorrer da obra, o leitor irá se deparar, ainda, com noções de origem e diversidade étnica e cultural presentes na sociedade brasileira. Por meio de uma linguagem envolvente, o autor evidencia as fragilidades humanas e as batalhas sociais recorrentes no dia a dia dos brasileiros. 

“Se a gente deseja construir um mundo melhor, a gente precisa reaver o direito a essa subjetividade e o direito a essas emoções. Nós nos limitarmos única e exclusivamente ao conflito ou a sermos ‘narradores do conflito’ é prender a nossa existência a uma mazela e a uma corrente que não foi construída por nós”, disse o cantor Emicida

Disponível na Amazon em formato de capa comum, a obra “Ulrich Obrist: Entrevistas brasileiras vol. 2”, em suma, trata-se de um importante relato artísticos sobre as nuances da sociedade brasileira e a relevância da cultura para a população. 


+Saiba mais sobre esta e outras obras de Hans Ulrich Obrist disponíveis na Amazon:

Ulrich Obrist: Entrevistas brasileiras vol. 2, de Hans Ulrich Obrist (2021) - https://amzn.to/32fKFlq

Hans Ulrich Obrist: entrevistas brasileiras: Volume 1, de Hans Ulrich Obrist (2019) - https://amzn.to/3uOIH7L

Caminhos da curadoria, de Hans Ulrich Obrist (2014) - https://amzn.to/2Q3dQFV

Entrevistas, de Hans Ulrich Obrist (2011) - https://amzn.to/3abad7O

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W