Notícias » Brasil

Onça Loki foge do Zoo de Brasília e causa confusão

Animal foi capturado horas depois

Fabio Previdelli Publicado em 10/01/2022, às 13h47

A onça Loki
A onça Loki - Divulgação/Instagram/Zoobrasilia

Na manhã do último sábado, 8, funcionários do Zoológico de Brasília vivenciaram um episódio inusitado e de apreensão. Afinal, na ocasião, a onça Loki fugiu de seu abrigo, o que obrigou que uma operação especial fosse iniciada pelo grupo junto à Polícia Militar Ambiental.

O animal só foi resgatado por volta das 15h. A administração do zoológico informou que a suçuarana ficou vagando pela área interna do local. Mesmo assim, os visitantes que estavam por lá foram orientados a deixar o espaço o quanto antes. O Zoo permaneceu fechado por todo o sábado e só reabriu no domingo, 9.

Segundo matéria do G1, o animal escapou por volta das 9h, depois de ter escalado um fosse de sete metros de altura. De acordo com a Polícia Militar, a onça se abrigou na mata fechada, uma área sem acesso dos visitantes. 

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Zoológico de Brasília (@zoobrasilia)

 

"Ela estava exausta, deitada no mato quando foi vista pelo terceiro-sargento Diego Aguiar", informou a PM. O animal foi sedado por biólogos, que usaram dardos com anestésicos para acalmar a suçuarana. Depois de ser atingida, demorou cerca de 10 minutos para ela ser capturada. 

O Zoológico de Brasília disse, em nota, que a onça foi colocada em observação. "Graças ao esforço coletivo dos vigilantes, brigadistas, biólogos, veterinários, zootecnistas, policias e, principalmente, cuidadores de animais, a captura ocorreu com sucesso sem nenhuma intercorrência".

A suçuarana tinha 4 anos quando chegou no Zoo de Brasília, em 2018. Segundo a equipe, ela era criada sob cuidados humanos e, portanto, trata-se de um animal manso. A administração do local informou que “a diretoria irá investigar para saber o que causou a fuga do animal e tomará as medidas necessárias cabíveis."