Notícias » Rússia

Opositor de Putin é condenado: Quanto tempo Navalny ficará preso?

Alegando ter sido preso por motivações políticas, Alexei Navalny diz ter sofrido tentativa de envenenamento à mando do presidente russo

Fabio Previdelli Publicado em 22/03/2022, às 11h35

Cartazes de protesto contra a prisão de Alexei Navalny
Cartazes de protesto contra a prisão de Alexei Navalny - Getty Images

Alexei Navalny, um dos principais opositores do presidente russo Vladimir Putin, foi condenado nesta terça-feira, 22, a mais nove anos de prisão após ser considerado culpado por crimes de fraude em larga escala e desacato. 

Preso desde 2021, após ser sentenciado a dois anos e meio de detenção em uma campo de prisioneiros por violação de condicional — julgamento pelo qual ele alega ter sido feito por motivações políticas —, Navalny será encaminhado para uma colônia penal de segurança máxima

Segundo as mais recentes acusações, conforme aponta matéria publicada pelo G1, a promotoria russa aponta que o opositor de Putin desviou cerca de 4,7 milhões de dólares (cerca de R$23 milhões) de doações que seriam destinadas para as organizações que ele lidera. A Constituição do país aponta que o crime pode ser punido com até 10 anos de prisão. 

Por outro lado, Navalny afirma que o Kremlin, a mando de Putin, tentou envenená-lo, caso que ainda não foi investigado na Rússia, visto que a Alemanha, país que o acolheu, não compartilhou as análises médicas. 

Posteriormente, o opositor russo foi incluído na lista oficial de “terroristas e extremistas” que buscaram exílio em outros países. O Fundo da Luta contra a Corrupção (FBK), organização vinculada à Navalny, também faz parte da lista, o que culminou com seu fechamento.