Notícias » Família real britânica

Pai de Meghan Markle promete ir à Justiça para conseguir ver Lilibet e Archie

Em recente entrevista, Thomas Markle confessou o desejo de ver os netos apesar da relação conturbada com a duquesa de Sussex

Alana Sousa Publicado em 24/07/2021, às 10h30

Meghan, Harry e o pequeno Archie
Meghan, Harry e o pequeno Archie - Getty Images

Não é segredo que Meghan Markle possui uma relação conturbada com seu pai, Thomas Markle. A duquesa de Sussex já comentou que jamais reconciliaria com seu pai, e o americano desistiu de comparecer ao casamento da filha com o príncipe Harry, em 2018.

Em mais um capítulo na saga familiar tumultuada, Thomas revelou que irá entrar com uma ação na Justiça para conseguir ver os netos, Archie e Lilibet. As informações foram repercutidas pela revista Claudia.

“Vou apresentar uma petição aos tribunais da Califórnia pelo direito de ver meus netos em um futuro muito próximo”, afirmou Markle em entrevista à Fox News. “Archie e Lili são crianças pequenas. Eles não são política. Eles não são peões. Eles não fazem parte do jogo. E eles também são reais e têm os mesmos direitos de qualquer outro membro da realeza”, acrescentou.

O pai de Meghan confessou o desejo de que Elizabeth II não “punisse” Lili e Archie pela saída da filha e de Harry da monarquia, descrevendo a ação do casal real como um “mau comportamento”.

Sobre Meghan Markle

Nascida em 4 de agosto de 1981, nos Estados Unidos, Rachel Meghan Markle ganhou fama após atuar na série norte-americana Suits (2011 -2017) no papel de Rachel Zane.

No ano de 2017, Markle anunciou o noivado com o príncipe Harry, deixando de lado sua carreira de atriz para se tornar um membro da família real. Após o casamento em 2018, a mulher se tornou duquesa de Sussex. O casal teve um filho, Archie Mountbatten-Windsor, em 6 de maio de 2019.

No início de 2020, Harry e Meghan anunciaram a decisão de deixar os cargos na família real a fim de se tornarem independentes. Atualmente, moram nos Estados Unidos.