Notícias » Crimes

Pais de Madeleine McCann desabafam nos 15 anos do desaparecimento da menina

O casal cobra respostas sobre o caso desde que a garota foi vista pela última vez em 3 de maio de 2007

Redação Publicado em 03/05/2022, às 10h44

Madeleine McCann em pôster distribuído após seu desaparecimento em 2007
Madeleine McCann em pôster distribuído após seu desaparecimento em 2007 - Getty Images

Os pais de Madeleine McCann publicaram uma mensagem nas redes sociais nesta terça-feira, 3, data em que o desaparecimento da menina chega a mais um ano sem respostas. O caso completa 15 anos sem solução e continua intrigando o mundo.

“Este ano completamos quinze anos desde a última vez que vimos Madeleine. Não parece mais difícil do que qualquer outro, mas também não é mais fácil. É muito tempo”, escreveram Kate e Gerry McCann, como repercutiu o jornal O Globo.

"Muitas pessoas falam sobre a necessidade de 'fechamento'. Sempre pareceu um termo estranho. Independentemente do resultado, Madeleine sempre será nossa filha, e um crime realmente horrível foi cometido. Essas coisas vão ficar. É verdade, porém, que a incerteza cria fraqueza; o conhecimento e a certeza dão força, e por isso nossa necessidade de respostas, de verdade, é essencial", continuaram.

Eles afirmaram: "Agradecemos o trabalho contínuo e o empenho das autoridades britânicas, portuguesas e alemãs, pois é este esforço policial combinado que dará resultados e nos trará essas respostas”.

“Como sempre, gostaríamos de agradecer a todos os nossos apoiadores por seus desejos e apoio contínuos. É um enorme conforto saber que, independentemente do tempo que passou, a Madeleine continua no coração e na mente das pessoas", completaram.

Junto do texto, o casal publicou uma citação pertencente ao livro "Winnie the Pooh", (“O Ursinho Puff”, em português) do escritor Alan Alexander Milne. "Mas o mais importante é que, mesmo que estejamos separados, eu sempre estarei com você", diz a mensagem.

Relembre o caso

No ano de 2007, a menina Madeleine McCann, então com 3 anos de idade, desapareceu do quarto em que estava, em um hotel localizado no sul de Portugal. Na ocasião, a criança passava férias com seus pais, irmãos e amigos dos pais.

O caso gerou comoção mundial e uma grande campanha para encontrar a garotinha. Em certo momento, até mesmo os responsáveis pela criança se tornaram suspeitos do caso. Até hoje Maddie nunca foi encontrada. O principal suspeito é um homem alemão identificado como Christian B., que foi indiciado formalmente no último mês.