Notícias » Vaticano

Papa Francisco critica 'hipocrisia' no meio católico: 'Particularmente detestável'

O pontífice falou sobre o tema a fiéis nesta quarta-feira, 25, no Vaticano

Redação Publicado em 25/08/2021, às 10h14

Papa Francisco
Papa Francisco - Getty Images

Nesta quarta-feira, 25, o papa Francisco realizou uma forte crítica aos comportamentos dos cristãos que acabam por dividir a Igreja, destacando o tema da hipocrisia.

De acordo com o UOL, o pontífice ressaltou durante audiência no Vaticano que a presença da hipocrisia na Igreja Católica é "detestável", uma vez que esse tipo de comportamento acaba por "maquiar a alma" por "medo da verdade".

Francisco explicou que "o hipócrita é uma pessoa que finge, lisonjeia e engana porque vive com uma máscara no rosto e não tem coragem de enfrentar a verdade. Por isso, não é capaz de amar verdadeiramente e limita-se a viver de egoísmo", declarou. Segundo ele, "é particularmente detestável a hipocrisia na Igreja" sendo que há "muitos cristãos e ministros hipócritas".

"Vamos nos entregar à proteção da Virgempara que não haja entre nós nem em nossas comunidades a hipocrisia que coloca em perigo a união da Igreja", finalizou.

As declarações de Francisco surgem dois dias após uma matéria do jornal de extrema-direita Libero Quotidiano, assinada por um dos maiores críticos do pontífice, Antonio Socci, ter afirmado que ele renunciaria em razão de problemas de saúde.