Notícias » Brasil

Para 76% da população, ‘inclusão, equidade e diversidade’ deveriam ser ensinados já na pré-escola

Estudo da Pearson mostra que brasileiro vê a ‘diversidade’ como um tema que deveria ser inserido na sociedade mais precocemente do que enxergam alguns países desenvolvidos

Fabio Previdelli Publicado em 04/11/2021, às 14h16

Imagem ilustrativa
Imagem ilustrativa - Pixabay

Para 76% dos brasileiros, temas como 'inclusão, equidade e diversidade' deveriam ser aprendidos pelas crianças ainda na pré-escola. Pelo menos foi isso que mostrou um estudo feito pela Pearson, uma empresa de aprendizagem

O índice mostra que os brasileiros são os únicos, entre todos os cinco países que participaram do levantamento, que acreditam que esses assuntos devem ser inseridos logo cedo na rotina dos mais jovens. 

Em termos de comparação, na segunda nação da lista, a China, somente 47% das pessoas possuem a mesma opinião. Logo atrás aparecem Índia (43%), Reino Unido (48%) e Estados Unidos (34%). Nesses outros lugares, por exemplo, a população acredita que o ensino fundamental seja o melhor período para a introdução dos temas. 

Segundo matéria publicada pela CNN, o apontamento foi feito pela Pearson em parceria com uma empresa global de inteligência de dados, a Morning Consult, que tem sede nos EUA. No geral, 5.500 pessoas foram entrevistadas — todas com idades entre 16 e 70 anos. A margem de erro da pesquisa é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.