Notícias » Ucrânia

Para Zelensky, Rússia 'esqueceu todas as lições da Segunda Guerra'

“Ninguém ouve desculpas de Moscou, só silêncio”, acrescentou o presidente ucraniano sobre a recente polêmica envolvendo ministro russo

Redação Publicado em 03/05/2022, às 13h05

Volodymyr Zelensky, presidente ucraniano
Volodymyr Zelensky, presidente ucraniano - Getty Images

O presidente ucraniano Volodymyr Zelensky afirmou na noite da última segunda-feira, 2, que a Rússia “esqueceu todas as lições da Segunda Guerra Mundial”, depois das declarações polêmicas do ministro das Relações Exteriores russo Sergei Lavrov.

No último domingo, 1, o ministro afirmou que Adolf Hitler“tinha origens judaicas” e que o povo judeu teria afirmado “há muito tempo” que “os maiores antissemitas são os próprios judeus”.

“Essa investida antissemita de seu ministro significa que a Rússia esqueceu todas as lições da Segunda Guerra Mundial. Ou talvez eles nunca tenham estudado essas lições”, alegou Zelensky após as falas recentes, segundo reportou a CNN.

Reação de Israel

Além do líder ucraniano, autoridades israelenses também demonstraram repúdio às declarações de Lavrov. O ministro das Relações Exteriores israelenses, Yair Lapid, descreveu a situação como “imperdoável e ultrajante, bem como um terrível erro histórico”.

Zelensky também falou sobre o posicionamento de Israel sobre o caso. “Claro, há um grande escândalo em Israel hoje em relação a essas declarações. No entanto, ninguém ouve desculpas de Moscou, só silêncio”, acrescentou.

Ele continuou: “Como isso pode ser aqui na véspera do aniversário da vitória sobre o nazismo? Essas palavras significam que o principal diplomata da Rússia está culpando o povo judeu pelos crimes nazistas. Sem palavras”.