Notícias » Brasil

Passageira morre em voo e avião precisa fazer pouso de emergência

Com destino à Argentina, a aeronave havia decolado da Holanda e fez um pouso não programado em Brasília no último domingo, 9

Isabela Barreiros Publicado em 10/01/2022, às 07h45

Imagem ilustrativa
Imagem ilustrativa - Pixabay/StuBaileyPhoto

Um avião da companhia europeia KLM foi obrigado a fazer um pouso não programado no Aeroporto Internacional de Brasília no último domingo, 9, devido à morte de uma passageira de 75 anos durante o voo.

A aeronave havia decolado da Holanda com destino à Argentina, mas precisou fazer o pouso de emergência depois da mulher falecer no Lago Sul, no Distrito Federal, entre as 3h e as 3h30 da manhã em horário local, conforme registro do óbito.

De acordo com o consórcio Inframérica, responsável pelo Aeroporto de Brasília, a argentina passou mal enquanto estava a bordo do avião e teve uma morte natural. A situação foi informada apenas às 9h13 da manhã de ontem.

A Polícia Civil do Distrito Federal afirmou em nota que o corpo foi levado ao Instituto Médico Legal (IML) e a Embaixada da Argentina acionada para a comunicação com a família da mulher, segundo informações da CNN Brasil.

“Assim que houver a apresentação de um documento oficial da vítima para confirmação da identidade, o corpo será liberado para a família que adotará as providências quanto ao registro no cartório para assuntos consulares”, acrescentou a corporação.

A KLM, empresa da qual a aeronave faz parte, disse à publicação que “confirma o pouso da aeronave em Brasília para que um passageiro a bordo pudesse receber atendimento médico”.