Notícias » Inglaterra

Pássaro raro, visto pela última vez na Idade Média, volta à natureza

Um projeto inglês está introduzindo aos poucos a espécie incomum de cegonha branca em seu habitat natural

Paola Churchill Publicado em 18/03/2020, às 13h30

as cegonhas brancas é uma espécie rara de pássaros
as cegonhas brancas é uma espécie rara de pássaros - Durells Conservation Trust/Twitter

Uma espécie rara de cegonha-branca, que havia sumido há mais de 400 anos dos campos britânicos, voltou a ser reintroduzida com sucesso ao Knepp Estate de Horsham, em West Sussex. O animal era muito comum na Grã-Bretanha, até o final da Guerra Civil, em 1600.

Seu último ninho conhecido no Reino Unido foi registrado em 1416, na Catedral de St. Giles, em Edimburgo.

A reintrodução faz parte do Projeto White Stork, uma parceria entre proprietários privados e instituições de caridade pela conservação da natureza. Eles têm como objetivo restaurar a população de pelo menos 250 cegonhas no sul da Inglaterra até 2030.

Cegonha não era vista em natureza há mais de 400 anos / Crédito: White Storck Project/Twitter

 

Nos próximos cinco anos, o programa tem como meta estabelecer três etapas para o repovoamento da espécie. A primeira delas era trazer algumas cegonhas que viviam em cativeiro na Polônia. A segunda fase é fazer com que as aves, já na natureza, passem a pensar que a região de West Sussex é seu habitat natural. A última parte do plano, que consideram a mais importante, é a seleção dos filhotes que nascerem na reserva, na esperança que eles migrem para o exterior para se reproduzir.

As cegonhas brancas são nativas das ilhas britânicas, constroem enormes ninhos bem no topo das árvores mais altas, e simbolizam na cultura inglesa, o renascimento.