Notícias » Arqueologia

Pedra rara com inscrição em grego antigo é encontrada em parque de Israel

Por acaso, um trabalhador do Parque Nacional Nitzana localizou o valioso artefato durante uma limpeza na região

Alana Sousa Publicado em 06/01/2021, às 15h30

Relíquia encontrada no deserto de Israel
Relíquia encontrada no deserto de Israel - Divulgação/Autoridade de Antiguidades de Israel

No último final de semana, no Parque Nacional Nitzana, no deserto de Negev, Israel, um trabalhador encontrou uma pedra com uma rara inscrição em grego antigo. A informação foi divulgada pelo portal The Jerusalem Post.

O objeto datado entre os século 6 e 7, mede 25 centímetros de diâmetro e, segundo pesquisadores da Autoridade de Antiguidades de Israel, pode ter sido usada como lápide em um cemitério de povos antigos.

“Nitzana é conhecida como um local chave na pesquisa sobre a transição entre o período bizantino e os primeiros períodos islâmicos. Durante os séculos 5 e 6 d.C., Nitzana atuou como um centro para as aldeias e povoados nas proximidades. Entre outras coisas, tinha uma fortaleza militar, bem como igrejas, um mosteiro e uma estação rodoviária que servia aos peregrinos cristãos que viajavam para Santa Katarina, que os crentes consideravam como o local do Monte Sinai”, explicou Tali Erickson-Gini, da Autoridade de Antiguidades, sobre o passado do parque.

Devido ao rico valor cultural da região, Autoridade de Parques e Natureza de Israel estava realizando um projeto intitulado “Projeto 500”, com o intuito de limpar e preparar trilhas para visitantes. Foi durante essa função que um homem localizou a rocha com inscrição grega. Ainda não se sabe o que diz o texto antigo, estudos mais detalhados serão realizados para descobrir mais sobre o item.

Sobre arqueologia

Descobertas arqueológicas milenares sempre impressionam, pois, além de revelar objetos inestimáveis, elas também, de certa forma, nos ensinam sobre como tal sociedade estudada se desenvolveu e se consolidou ao longo da história. 

Sem dúvida nenhuma, uma das que mais chamam a atenção ainda hoje é a dos egípcios antigos. Permeados por crendices em supostas maldições e pela completa admiração em grandes figuras como Cleópatra e Tutancâmon, o Egito gera curiosidade por ser berço de uma das civilizações que foram uma das bases da história humana e, principalmente, pelos diversos achados de pesquisadores e arqueólogos nas últimas décadas.


+Saiba mais sobre arqueologia por meio de grandes obras disponíveis na Amazon:

Arqueologia, de Pedro Paulo Funari (2003) - https://amzn.to/36N44tI

Uma breve história da arqueologia, de Brian Fagan (2019) - https://amzn.to/2GHGaWg

Descobrindo a arqueologia: o que os mortos podem nos contar sobre a vida?, de Alecsandra Fernandes (2014) - https://amzn.to/36QkWjD

Manual de Arqueologia Pré-histórica, de Nuno Ferreira Bicho (2011) - https://amzn.to/2S58oPL

História do Pensamento Arqueológico, de Bruce G. Trigger (2011) - https://amzn.to/34tKEeb

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp 

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W