Notícias » Entretenimento

Pela primeira vez, Betty, a Feia ganhará remake sul-africano

Apesar de adaptações da série fazerem sucesso em diversas partes do mundo, a versão sul-africana será a primeira a contar com uma protagonista negra

Fabio Previdelli Publicado em 22/10/2020, às 12h46

Ugly Betty e uBettina Wethu
Ugly Betty e uBettina Wethu - Divulgação

De acordo com a revista Variety, o seriado “Ugly Betty” (também conhecido como “Betty, a feia”), ganhará um remake, no ano que vem, na África do Sul. Segundo o periódico, o projeto se chamará “uBettina Wethu”.  

Sucesso em diversas partes do mundo, Ugly Betty já ganhou inúmeras adaptações, inclusive uma brasileira que foi produzida pela Rede Record. No entanto, a versão sul-africana será a primeira a contar com uma protagonista negra.  

A pré-produção da série deve começar já no início do próximo mês. A expectativa é que as filmagens, no entanto, sejam iniciadas em janeiro de 2021.O remake deve aproveitar o roteiro de sucesso das demais versões. A primeira temporada da atração será transmitida pela SABC, uma emissora pública sul-africana. 

“Adquirir os direitos e financiar ‘uBettina Wethu’ levou quatro anos, mas felizmente estamos lá agora. ‘UBettina Wethu’ é a história de uma ingênua garota que consegue um emprego trabalhando para um dos solteiros mais cobiçados de Joanesburgo. Apesar dos desafios, ela consegue conquistar o coração dele e se destacar nos negócios além de seus sonhos”, declarou o produtor Tshepiso Sello em um comunicado à imprensa. A adaptação deve estrear em abril do ano que vem.