Notícias » Mundo

Pela primeira vez desde 1944, Nobel cancela evento de entrega de prêmios

Diante da pandemia, o Comitê decidiu adaptar a cerimônia para o âmbito online — e deixará de realizar a cerimônia física

Wallacy Ferrari Publicado em 22/09/2020, às 13h57

Medalha de condecoração do prêmio Nobel
Medalha de condecoração do prêmio Nobel - Wikimedia Commons

O Comitê do Prêmio Nobel confirmou em comunicado destinado à imprensa na manhã desta terça-feira, 22, que tomou a decisão de cancelar a tradicional cerimônia de entrega de prêmios, realizada anualmente em Estocolmo, na Suécia. Os organizadores decidiram cancelar o evento em decorrência da pandemia mundial do novo coronavírus.

A cerimônia que anunciará os vencedores ocorrerá normalmente no dia 9 de outubro, porém, a condecoração, feita todos os anos no aniversário do fundador da premiação, Alfred Nobel — 10 de dezembro — será anulada. Dessa maneira, os vencedores ainda receberão o reconhecimento em uma cerimônia futura com o rei da Suécia.

Em comunicado, a organização explicou como adaptará o evento: "A tradicional cerimônia de entrega dos prêmios Nobel na Filarmônica de Estocolmo e o tradicional banquete na Prefeitura serão cancelados neste ano. Em seu lugar, ocorrerá uma transmissão ao vivo on-line da Prefeitura com os vencedores, durante a qual eles receberão os diplomas e medalhas".

O evento online teve o local mudado para adaptar os estúdios de filmagens; invés de ocorrer na prefeitura de Oslo, com capacidade para mil pessoas — como foi nos anos anteriores —, a cerimônia foi transferida para o auditório da Universidade de Oslo, com capacidade máxima de 100 convidados.