Notícias » Europa

Pesquisadores descobrem canal viking de navegação marítima

A pesquisa revelou um trajeto utilizado para levar mercadorias e cobrar impostos de diversos pontos da Escócia

Wallacy Ferrari Publicado em 04/08/2020, às 13h48

Mapa indica orientação do trajeto marítimo
Mapa indica orientação do trajeto marítimo - Universidade de St. Andrews

Após uma extensa pesquisa analisando pontos da história nórdica, uma equipe de historiadores britânicos localizou uma via navegável viking, cruzando a Escócia. De acordo com os pesquisadores da Universidade de St. Andrews, o trajeto ligava o Atlântico Norte ao Fluxo de Scapa, no litoral sul do país.

A ligação não era direta; passava por diversos pontos importantes da dominação viking na Escócia, utilizando o canal para transportes e locomoção, mas também como paradas de arrecadação de impostos e cobranças materiais, transportando grãos e ferramentas utilitárias em barcos.

Fotografia de um ponto do trajeto marítimo viking / Crédito: Universidade de St. Andrews

 

A equipe de St. Andrews se uniu com duas outras Universidades — a federal do País de Gales e a Universidade das Terras Altas e Ilhas — que auxiliaram nas pesquisas de mapeamento geofísico, sensoriamento e sedimentos, descobrindo também a relação arqueológica do local e como o mesmo foi utilizado.

Em entrevista ao Daily Mail, Alexandra Sanmark, pesquisadora responsável pelo do Instituto de Estudos do Norte da Universidade das Terras Altas e Ilhas, explicou a importância da descoberta: “Estou encantada com o resultado, pois várias evidências escritas e de paisagem sugeriram a existência da hidrovia. Os resultados serão usados ​​em nosso estudo contínuo de como os nórdicos usaram e organizaram a paisagem de Orkney”.