Notícias » Europa

Pesquisadores descobrem máscara de deus grego com mais de 2,4 mil na Turquia

O ornamento chegou a ser considerado a descoberta "mais importante do ano" pelo líder da equipe de escavação Kaan Iren

Wallacy Ferrari Publicado em 08/09/2020, às 09h46

Fotografia da máscara encontrada
Fotografia da máscara encontrada - Divulgação/Twitter/AgenciaAnadolu/06.09.2020

Uma equipe de pesquisadores da Universidade Mugla Sitki Koçman localizou uma impressionante máscara, confeccionada com terracota e datada em mais de 2,4 mil anos, durante uma escavação em Anatólia, na Turquia. A personalidade representada na figura se assemelha a Dionísio, deus grego responsável pela fertilidade e pelo vinho.

A descoberta foi feita na acrópole de Dascylium, próxima as margens do lago Manyas. O local é associado a diversos assentamentos antigos com a presença dos gregos e, por isso, tal descoberta é relacionada a mitologia da cultura. Em entrevista à agência Anadolu, Kaan Iren, líder da escavação, a descoberta é a mais importante do ano.

O pesquisador sugere que o ornamento era destinado a práticas ligadas ao espiritualismo e joga luz aos hábitos gregos na Turquia: "Esta é possivelmente uma máscara votiva [oferenda religiosa]. Com o tempo, surgirão outras informações, após outras pesquisas". A homenagem a Dionísio também pode ter sido feita em um evento, visto que o deus também era responsável pelas festas e carnavais.

Com tal descoberta, o artefato seria usado como um amuleto que, quando equipado ao portador, poderia o isentar de seus desejos secretos e arrependimentos ocultos. As pesquisas na região prosseguem para o possível encontro de novas máscaras.