Notícias » Estados Unidos

Em grande descoberta, pesquisadores localizam as raízes da floresta mais antiga do mundo

Escondida em pedras de mais de 385 milhões de anos, essas árvores foram essenciais para o aumento do oxigênio e a regularização dos níveis de dióxido de carbono na Terra

Fabio Previdelli Publicado em 24/12/2019, às 15h46

Sistema de raízes de árvores de Archaeopteris
Sistema de raízes de árvores de Archaeopteris - William Stein e Christopher Berry

Durante grandes pesquisas, uma fatia da floresta fossilizada mais antiga do mundo foi encontrada no solo de uma pedreira abandonada próxima à cidade de Cairo, em Nova York, nos Estados Unidos. Os pesquisadores estimam que as pedras fossilizadas possuem cerca de 385 milhões de anos.

"De pé na superfície da pedreira, podemos reconstruir a floresta viva ao nosso redor em nossa imaginação”, declarou o paleobotânico Christopher Berry, da Universidade de Cardiff, no Reino Unido, à Science Magazine.

Pesquisadores que analisam um dos sistemas radiculares de raízes de árvores Archaeopteris / Crédito: William Stein e Christopher Berry

 

Acredita-se que muitas dessas longas raízes tenham pertencido a plantas do gênero Archaeopteris, ancestral das árvores modernas e uma das primeiras a capturar e armazenar dióxido de carbono do ar com suas folhas planas e verdes.

Esse tipo de atividade teria mudado drasticamente o clima do nosso planeta, potencialmente adicionando mais oxigênio à atmosfera e fornecendo habitats exuberantes para insetos primitivos e criaturas semelhantes a milípedes.


+Saiba mais sobre o tema através de grandes obras 

1. A Floresta Canta! Uma Expedição Sonora por Terras Indígenas do Brasil - https://amzn.to/2tJnxOc

2. Na floresta: Contos de fadas dos Irmãos Grimm em quadrinhos - https://amzn.to/35TUbLt

3. Crise financeira na floresta - https://amzn.to/35XYpl6

4. Floresta : Mundo escondido - https://amzn.to/34Wz5uq

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, assinantes Amazon Prime recebem os produtos com mais rapidez e frete grátis, e a revista Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.