Notícias » Estados Unidos

Pichações, cabeça de porco decapitada e sangue falso: Casa de Nancy Pelosi é vandalizada nos EUA

Residência da presidente da Câmara dos Representantes dos Estados Unidos, em São Francisco, amanheceu no primeiro dia do ano com a frase “$2 mil. Cancele os aluguéis. Nós queremos tudo”

Fabio Previdelli Publicado em 04/01/2021, às 10h56

Garagem da casa de Nancy Pelosi
Garagem da casa de Nancy Pelosi - Divulgação

A primeira manhã do ano não foi nada agradável para Nacy Pelosi, presidente da Câmara dos Representantes dos Estados Unidos.

Isso porque, segundo a rede de TV ABC, a residência de Pelosi, que fica na cidade de São Francisco, amanheceu pichada e com uma cabeça de porco decapitada em sua porta, onde havia também sangue falso. As informações foram repercutidas pelo UOL

No momento em que foi registrado o ato de vandalismo, a democrata estava em Washington, onde fica o Congresso americano. Nancy não quis comentar o ocorrido. Já a polícia americana iniciou uma investigação para encontrar os responsáveis pelo ato.  

Um fato que chamou a atenção foi a frase pichada na casa de Nancy, que dizia: “$2 mil. Cancele os aluguéis. Nós queremos tudo”. Acredita-se que a escrita faça referência a aprovação do benefício emergencial aos americanos, que foi aprovado pela Câmara dos Representantes em 28 de dezembro. Agora, a proposta ainda precisa ser aprovada pelo Senado.  

Entretanto, foi justamente Pelosi e outros líderes democratas que apoiaram para que o benefício fosse aumentado de 600 dólares para 2 mil, por isso, não ficou muito claro o que motivou o ataque à casa da democrata.  

Outra pessoa que teve sua casa vandalizada foi o senador republicano Mitch McConnell, que viu as frases “Onde está meu dinheiro?” e “Mitch mata pobres” serem escritas em sua propriedade. O ato aconteceu no último sábado, 2.