Notícias » Mundo

Piso histórico da cidade de São Paulo será trocado por concreto

Prefeitura estipula data das mudanças no centro histórico da capital e recebe críticas

Alan de Oliveira | @baco.deoli, sob supervisão de Isabela Barreiros Publicado em 13/05/2022, às 13h28

Piso do centro histórico de São Paulo
Piso do centro histórico de São Paulo - Getty Images

Em breve, o centro histórico de São Paulo passará por reformas por trocas de pavimento das calçadas e calçadões em áreas famosas da região, — como, por exemplo, o “mosaico português”, datado da década de 1970. O projeto reformará mais de 63 mil metros quadrados.

Defensores da mudança apontaram que a configuração atual funciona como uma barreira ao deslocamento de pessoas com deficiência devido ao desnível e maior risco de quedas.

A medida dividiu opiniões. Os críticos argumentam que bastaria trocar a pedra portuguesa por um piso mais liso, mas com desenhos do mesmo estilo emblemático que o local ficou conhecido, e investir mais na zeladoria.

"As pedras portuguesas serão trocadas por piso de concreto similar ao que há no (Vale do) Anhangabaú", falou o secretário de Infraestrutura Urbana e Obras e presidente da "SPObras", Marcos Monteiro.

Outras reformas 

Além dos pisos, o projeto ainda vai implementar acessibilidade universal, com uma nova sinalização turística, além de iluminação cênica e funcional. Há a expectativa também da instalação de uma infraestrutura subterrânea de drenagem e de valas técnicas para melhor ordenamento das redes de telecomunicações.

No dia 20, a prefeitura da capital paulista irá abrir negociações com fornecedores de material e são previstos R$ 80 milhões de reais necessários para a reforma.