Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Família Real Britânica

Polícia investiga instituição de caridade do príncipe Charles

A fundação é alvo de alegações de ilegalidade; herdeiro do trono nega conhecimento

Penélope Coelho Publicado em 16/02/2022, às 14h03 - Atualizado às 14h36

Príncipe Charles, herdeiro do trono britânico - Getty Images
Príncipe Charles, herdeiro do trono britânico - Getty Images

Nesta quarta-feira, 16, a polícia de Londres, na Inglaterra, informou que abriu uma investigação para averiguar doações feitas para a fundação de caridade do príncipe Charles, primeiro na linha de sucessão ao trono britânico.

Em comunicado, as autoridades informaram que a intenção é investigar se as doações teriam sido feitas em troca de títulos honorários. Segundo a Scotland Yard, ninguém foi preso até o momento.

De acordo com informações publicadas pela BBC internacional, o escândalo em questão veio à tona em 2021. A suspeita é de que um ex-funcionário da Prince's FoundationMichael Fawcett, teria usufruído de sua influência para garantir uma condecoração a um generoso doador saudita.

“Esta decisão é consequência da análise de uma carta de setembro de 2021. Está relacionada com matérias da imprensa sobre supostas ofertas de ajuda para garantir honras e cidadania (britânica) a um cidadão saudita”, revelou o comunicado.

Em resposta, o porta-voz da fundação informou que seria "inapropriado comentar sobre uma investigação em andamento". Anteriormente, o príncipe Charlesjá havia se pronunciado sobre o caso e negou ter conhecimento do ocorrido.