Notícias » EUA

Policiais são suspeitos de terem participado da invasão ao Capitólio

Ao menos 13 policiais, que estariam de folga, teriam participado da ação criminosa ocorrida no último dia 6, em Washington

Giovanna Gomes Publicado em 18/01/2021, às 12h35

Prédio do Capitólio, nos EUA
Prédio do Capitólio, nos EUA - Pixabay

Conforme informações publicadas no sábado pelo jornal The Washington Post e reproduzidas pela UOL, ao menos 13 policiais estão sendo investigados por suspeita de participação na invasão ao Capitólio, ocorrida último dia 6, nos EUA. As autoridades estariam de folga no dia do incidente.

Fora revelado que os próprios chefes de polícia americanos estão recorrendo ao FBI para realizar denúncias contra oficiais de seus departamentos. "Nós estamos deixando claro que eles têm direitos garantidos pela Primeira Emenda, como todos os americanos", declarou Art Acevedo, chefe da Polícia de Houston ao jornal. "Mas o envolvimento em atividades criminosas não será tolerado".

O The Washington Post, ainda informou que também outros policiais, por reprovarem a invasão, têm realizado denúncias contra colegas.

Um desses denunciados é o oficial Thomas Robertson, de 47 anos, preso na última quarta-feira, 13. Assim que seu envolvimento na ação criminosa foi revelado ele escreveu a seguinte declaração em uma rede social: "Passei a maior parte da minha vida lutando contra uma insurgência. Estou prestes a me tornar parte de uma, e uma muito efetiva."

Os investigadores do FBI estão analisando imagens e vídeos para identificar os demais invasores.