Notícias » Brasil

Policial que combatia incêndio no Pantanal morre após acidente

Segundo nota divulgada pelo Ministério de Justiça e Segurança Pública, o agente estava em recuperação, mas não resistiu

Pamela Malva Publicado em 27/10/2020, às 18h30 - Atualizado às 18h54

Fotografia do policial Renato de Oliveira Souza
Fotografia do policial Renato de Oliveira Souza - Divulgação/Polícia Civil do Distrito Federal

No dia 8 de agosto, o policial Renato de Oliveira Souza pilotava um helicóptero quando algum imprevisto aconteceu e a aeronave caiu. Hoje, dia 27, após intensa recuperação, o policial não resistiu, segundo nota do Ministério da Justiça e Segurança Pública.

Trabalhando na Polícia Civil do Distrito Federal desde 1992, o agente foi emprestado para a Força Nacional de Segurança Pública e lutava contra o incêndio no Pantanal. No dia do acidente, segundo o UOL, ele e mais dois oficiais participavam da Operação Pantanal II.

Ainda em comunicado, o Ministério afirmou que Renato passou por uma cirurgia na coluna. A Direção Geral da Polícia Civil do DF, por sua vez, lamentou a morte do agente e afirmou que, mesmo após a alta, ele sofreu de complicações respiratórias. 

Ao final de seu prounciamento, o Ministério da Justiça agradeceu Renato “por seu profissionalismo e dedicação” em todos os trabalhos que desempenhou. “Aos familiares e amigos, manifestamos nosso sentimento de solidariedade", finalizou o órgão.