Notícias » Personagem

Políticos europeus solicitam indicação de Zelensky ao Nobel da Paz

Em documento encaminhado ao Comitê do Prêmio Nobel, parlamentares pediram a reabertura do processo de nomeação

Redação Publicado em 18/03/2022, às 10h46 - Atualizado às 10h47

Volodymyr Zelensky, o presidente da Ucrânia
Volodymyr Zelensky, o presidente da Ucrânia - Getty Images

Membros do Parlamento Europeu e políticos de diversos países da Europa solicitaram recentemente a reabertura do processo de nomeação de candidatos ao Prêmio Nobel da Paz, para que Volodymyr Zelensky e o povo ucraniano sejam incluídos na lista. O pedido foi formalizado por meio de comunicado encaminhado ao comitê responsável pela premiação.

"Bravos homens e mulheres ucranianos estão lutando para preservar a democracia e o autogoverno. Do desafio do presidente ucraniano democraticamente eleito, Volodymyr Zelensky, ao homem com lágrimas nos olhos dizendo adeus à sua família para lutar por seu país: pessoas de toda a Ucrânia estão se levantando para resistir às forças do autoritarismo", diz o texto enviado ao Comitê do Prêmio Nobel.

"Nossas palavras de simpatia e apoio dificilmente podem fazer justiça aos sacrifícios que eles fazem pelos princípios dos direitos humanos e da paz", prossegue a mensagem, conforme informou o portal de notícias UOL.

"Acreditamos que agora é a hora de mostrar ao povo da Ucrânia que o mundo está do seu lado. Por isso, pedimos humildemente que o Comitê considere: estendendo e reabrindo o procedimento de indicação ao Prêmio Nobel da Paz até 31 de março de 2022 para permitir uma indicação ao Prêmio Nobel da Paz para o presidente Zelensky e o povo da Ucrânia", finaliza o documento.