Notícias » Israel

‘Por engano’: Soldados israelenses são mortos por própria tropa

Caso foi divulgado hoje, 13, pelo Exército de Israel

Fabio Previdelli Publicado em 13/01/2022, às 13h46

Imagem do Exército de Israel
Imagem do Exército de Israel - Getty Images

O Exército de Israel informou nesta quinta-feira, 13, que dois oficiais foram baleados e mortos “por engano” durante uma patrulha na base militar do Vale do Jordão, que fica na região ocupada da Cisjordânia

De acordo com um comunicado militar, os oficiais foram “mal identificados e mortos por engano por tiros israelenses” ao realizarem uma patrulha em torno da base militar, relatou a agência de notícias da AFP.

A dupla havia sido direcionada para uma área de treinamento quando viram um indivíduo considerado suspeito. Disparos foram feitos contra ele. No entanto, um soldado da mesma unidade — que patrulhava uma área próxima —, viu a cena e decidiu intervir.

O soldado, em resposta, atirou e matou a dupla. Conforme explica a AFP, ele pensava que os dois eram invasores que estavam atacando a unidade. O ministro israelense de defesa, Benny Gantz, lamentou o episódio. “Imenso pesar ao anunciar a morte de dois oficiais da unidade Egoz”.

Em nota, Gantz declarou que o exército de Israel “iniciou uma investigação aprofundada”. Já Naftali Bennet, primeiro-ministro do país, completou que “tiraremos as conclusões correspondentes”.