Notícias » Família Real Britânica

Por que a inauguração da estátua de Diana quase não aconteceu?

Segundo uma fonte próxima, o Príncipe William ainda estava “furioso” com seu irmão. Entenda!

Pedro Paulo Furlan, sob supervisão de Pamela Malva Publicado em 25/01/2022, às 17h00

William e Harry no dia da cerimônia de inauguração da estátua de Diana
William e Harry no dia da cerimônia de inauguração da estátua de Diana - Getty Images

Em julho de 2021, os dois filhos da Princesa Diana, o Príncipe William e o Príncipe Harry, se uniram pela primeira vez após Harry decidir renunciar seu posto na família real e mudar-se para os Estados Unidos com a esposa, Meghan Markle. Mesmo que tudo tenha parecido em paz, fontes afirmam que William ainda estava “furioso” com o irmão.

O encontro aconteceu para a revelação da estátua de Lady Di e foi apenas meses depois da entrevista da apresentadora americana Oprah Winfrey com Harry e Meghan, na qual revelaram que a Casa Windsor havia, supostamente, feito a Duquesa de Sussex sentir-se desconfortável, inclusive questionando-a sobre a cor da pele de seu futuro filho.

No entanto, no começo de janeiro de 2022, uma fonte próxima ao PríncipeWilliam e Kate Middleton afirmou ao jornal britânico The Daily Mail, informação repercutida pelo portal de notícias Yahoo!, que os príncipes quase não se encontraram, pois William ainda estava muito furioso e decepcionado com o casal de Sussex.

Quem acabou garantindo que a inauguração da estátua da Princesa do Povo acontecesse foi a Duquesa de Cambridge, Kate Middleton. A mesma fonte confidenciou que a esposa de William fez com que ele se acalmasse e conseguisse encontrar seu irmão.

Tudo com Harry e Meghan tem sido um tremendo stress, mas fez com que eles [Kate e William] se aproximassem ainda mais. [A Duquesa] foi incrível por trás das cenas quando Harry veio visitar. [William] teve um ano do inferno mas ela tem sido fantástica em seu apoio ao príncipe”, afirmou.