Notícias » Itália

Prefeita de Roma afirma que máfia italiana tem planos para matá-la e sua família

Desde sua eleição em 2016, Virginia Raggi luta contra grupos de crime organizado na cidade

Isabela Barreiros Publicado em 26/10/2020, às 16h50

A prefeita de Roma, Virginia Raggi
A prefeita de Roma, Virginia Raggi - Wikimedia Commons

A prefeita de Roma, na Itália, Virginia Raggi disse, durante entrevista pré-gravada veiculada no Canale 5, canal italiano, nesta segunda-feira, 26, que ela e sua família estavam sendo alvo da máfia italiana. As informações são do jornal The Guardian. 

Sem dar mais detalhes sobre a situação, ela afirmou: “fomos informados de que eles planejavam um ataque contra mim e minha família”. Acredita-se que a situação esteja saindo do controle porque Raggi vem lutando contra esses grupos criminosos desde sua eleição em 2016.

“Há partes de Roma onde as pessoas se aproximam de mim para me dizer para continuar lutando, mas depois se mudam porque têm medo de serem vistas pelos clãs”, explicou a prefeita.

Na entrevista, a política disse que a família Casamonica foi a principal responsável pelas ameaças direcionadas a ela. Raggi informou ainda que isso aconteceu depois de ela ordenar a demolição de vilas construídas em 2018, ilegalmente, que eram utilizadas pela organização.

Além deles, ela também lida com outros grupos tão perigosos quanto eles. Ela estava lutando contra a família Spada e a família Marando, todas na cidade de Roma.