Notícias » Estados Unidos

Prêmio Nobel de Economia vai para dupla de professores americanos

Paul Milgrom e Robert Wilson foram reconhecidos por teoria sobre leilões e ganharam uma quantia de pouco mais de seis milhões de reais

Alana Sousa Publicado em 12/10/2020, às 10h25 - Atualizado às 10h25

A dupla vencedora do Nobel de Economia
A dupla vencedora do Nobel de Economia - Divulgação / Universidade de Stanford

Fechando a temporada de entrega do Prêmio Nobel deste ano, os vencedores na categoria Economia foram os americanos Paul Milgrom e Robert Wilson pelo trabalho de melhoria e invenção de novas formas de leilões.

O resultado, anunciado pela Real Academia de Ciências da Suécia, enfatizou que os leilões além de estarem por todos os lugares, afetam nosso cotidiano, e acrescentaram que as descobertas “beneficiaram vendedores, compradores e contribuintes de todo o mundo”.

Paul e Robert apresentaram novos formatos sobre ofertas, valor e produto. Ambos “usaram seus insights para criar um novo leilão e formatos para bens e serviços que são difíceis de vender de uma forma tradicional, como frequências de rádio”, de acordo com a Academia.

O prêmio de 10 milhões de coroas suecas (em torno de 6,3 milhões de reais), será dividido entre Milgrom, que é professor na Universidade de Stanford, onde tem doutorado; e Wilson, doutorado pela Universidade de Harvard.