Notícias » Brasil

Presidente da Fundação Palmares cita secretário demitido por apologia ao nazismo em publicação

Na ocasião, Sérgio Camargo agradeceu Roberto Alvim em celebração a seu primeiro ano no cargo

Redação Publicado em 28/11/2020, às 13h30

Presidente da Fundação Palmares, Sérgio Camargo e o ex-secretário da cultura Roberto Alvim
Presidente da Fundação Palmares, Sérgio Camargo e o ex-secretário da cultura Roberto Alvim - Divulgação/Twitter/Wikimedia Commons

Na última sexta-feira, 27, Sérgio Camargo, presidente da Fundação Palmares, publicou em sua conta oficial no Twitter um agradecimento a Roberto Alvim, ex-secretário da cultura demitido por apologia ao nazismo, pelo primeiro ano desde a sua nomeação ao cargo.

Através da publicação, ele diz “Comemoro nesta sexta, 27, um ano de nomeação na Fundação Palmares. Agradeço à Juliana Galdino e Roberto Alvim pela oportunidade, ao presidente Jair Bolsonaro e ao ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antonio, pela confiança, e aos que me seguem nas redes sociais pelo apoio”.

Ainda no mês de fevereiro, Sérgio também já havia citado o ex-secretário, onde afirmou que seguiria “a linha do secretário Alvim”, em seu mandato. Roberto foi demitido em janeiro deste ano após a transmissão de um comunicado oficial do governo no qual parafraseou falas do ministro da propaganda de Adolf Hitler, Joseph Goebbels.