Notícias » Rússia

Presidente ucraniano fala de Bucha: 'Isto é genocídio'

Dezenas de cadáveres de civis foram encontrados espalhados pela cidade após a saída dos soldados russos

Ingredi Brunato, sob supervisão de Thiago Lincolins Publicado em 04/04/2022, às 12h17 - Atualizado às 13h15

Imagem mostrando cadáveres caídos em rua de Bucha
Imagem mostrando cadáveres caídos em rua de Bucha - Divulgação/ Youtube/ CBS Evening News

Em entrevista à CBS, Volodymyr Zelensky comentou a respeito das chocantes imagens feitas em Bucha após a recente expulsão do exército russo da região. 

Entre esta e outras cidades ucranianas localizadas nas proximidades de Kiev, foram encontrados cerca de 410 cadáveres, muitos deles pertencendo a civis, de acordo com informações divulgadas pelas autoridades da Ucrânia e repercutidas pela RFI. 

Imagens feitas nesses locais mostram vítimas caídas pelas ruas ou agrupadas em valas comuns, levando a própria ONU a se manifestar a favor de investigações a respeito de "possíveis crimes de guerra" e outras violações dos direitos humanos internacionais ocorridas no local. 

“Nós somos cidadãos da Ucrânia. Temos mais de 100 nacionalidades. Trata-se da destruição e do extermínio de todas essas nacionalidades", apontou o presidente ucraniano à CBS.

"Somos cidadãos da Ucrânia e não queremos ser subjugados à política da Federação Russa. Esta é a razão pela qual estamos sendo destruídos e exterminados, e isso está acontecendo na Europa do século 21. Esta é a eliminação de toda uma nação e seu povo. Isto é genocídio", concluiu o líder ainda.