Notícias » Família Real Britânica

Príncipe Andrew solicita júri popular para processo por assédio sexual

Família real britânica vem tentando se afastar do caso e o filho da rainha Elizabeth II já perdeu seus títulos

Isabela Barreiros Publicado em 27/01/2022, às 09h56

O príncipe Andrew, duque de York
O príncipe Andrew, duque de York - Getty Images

O príncipe Andrewsolicitou que a ação em que responde por abuso sexual de uma jovem de 17 anos, em 2001, seja levado a um júri popular, após negar novamente as acusações feitas por Virginia Giuffre em agosto do ano passado.

Os advogados de Andrew e um tribunal de Nova York emitiram uma nota alegando que ele “exige um julgamento diante de um júri, relacionado a todos os motivos invocados pela denúncia” de Giuffre.

Como aponta o jornal O Globo, o filho da rainha Elizabeth II está em uma tentativa de derrubar a ação na justiça e nega “categoricamente” todas as acusações. O julgamento em júri popular está dentro do direito constitucional dele.

A família real britânica vem tentando se desviar do escândalo sexual e Andrew já perdeu seus títulos militares em decorrência do caso. A exposição ainda maior do processo pode trazer mais constrangimento para a realeza.

Giuffre acusa o príncipe de fazer parte do esquema do financista condenado por diversos crimes sexuais, Jeffrey Epstein, e pela socialite britânica Ghislaine Maxwell. O homem teria abusado sexualmente da advogada, então menor de idade, em Londres, Nova York e nas Ilhas Virgens Americanas.