Notícias » Estados Unidos

Professora americana é presa por vacinar estudante

Sem qualificação médica, a professora de ciências teria aplicado a dose no aluno de 17 anos em sua casa

Isabela Barreiros Publicado em 05/01/2022, às 11h35

Professora vacinando estudante nos Estados Unidos
Professora vacinando estudante nos Estados Unidos - Divulgação/Vídeo/CBS

Uma professora de ciências de uma escola de Nova York, nos Estados Unidos, foi presa após ter aplicado uma dose de vacina de covid-19 em um aluno de 17 anos em sua casa sem ter qualificação médica formal.

De acordo com a polícia, Laura Russo foi detida na véspera do ano novo e a audiência sobre o caso deve ocorrer no dia 21 de janeiro. Se for condenada, a professora poderá passar quatro anos na prisão.

Ainda não se sabe como Russo obteve a suposta vacina contra o novo coronavírus, nem qual empresa a fabricou. Sabe-se que a única vacina autorizada para menores de 18 anos atualmente nos Estados Unidos é a Pfizer-BioNTech.

Segundo informações da BBC News, o jovem teria desejado receber a dose da vacina. No vídeo, é possível ouvir a professora dizendo a ele: "Você ficará bem, espero." "Aqui está. Vacina em casa", diz o estudante.

A polícia do condado de Nassau foi acionada pelos pais do adolescente depois que ele voltou para casa e relatou a situação, segundo a CBS News.

“Ela [Laura Russo] havia obtido uma vacina”, explicou o comissário de polícia de Nassau, Patrick Ryder. "Isso ainda está sob investigação sobre como ela conseguiu isso."

O superintendente da Herricks High School, onde a professora trabalha, informou que ela foi removida da sala de aula e “transferida enquanto se aguarda o resultado da investigação”, em que é acusada de prática não autorizada de uma profissão.