Notícias » Personagem

Putin estaria se sentindo enganado por seus assessores, dizem os EUA

De acordo com agências de inteligência norte-americanas, a assessoria de Putin estaria repassando informações errôneas ao político

Redação Publicado em 31/03/2022, às 11h03

Vladimir Putin
Vladimir Putin - Getty Images

Agências de inteligência norte-americanas concluíram que o presidente russo,Vladimir Putin, tem se sentido enganado por sua assessoria, que estaria lhe repassando "informação errônea" sobre a evolução da guerra na Ucrânia e também sobre o efeito das sanções sobre a economia da Rússia.

"Temos informações de que Putin se sentiu enganado pelas Forças Armadas russas, o que resultou em tensão persistente entre Putin e sua liderança militar", declarou a diretora de comunicações da Casa Branca, Kate Bedingfield, durante entrevista coletiva realizada na última quarta-feira, 30.

Conforme informações da agência de notícias EFE, Bedingfield explicou que há indícios de que o líder russo não sabia que seus militares estavam sofrendo um grande número de perdas no campo de batalha.

"Acreditamos que Putin está recebendo informações erradas de seus assessores sobre o fraco desempenho das Forças Armadas russas e como a economia está sendo prejudicada por sanções. Seus principais conselheiros têm medo de lhe dizer a verdade", finalizou.

Em outra ocasião, o porta-voz do Departamento de Defesa, John Kirby, revelou que concorda com as conclusões das agências de inteligência, porém ressaltou que os EUA "não têm acesso a todas as informações que foram dadas a Putin". Ele também admitiu que está "um pouco desconfortável" com o fato do chefe de Estado russo não saber o que seus soldados estão fazendo em solo ucraniano.

"Se Putin não estiver totalmente informado, como seus negociadores vão chegar a um acordo duradouro? Um que, claro, respeite a soberania da Ucrânia. E outra coisa é que você não sabe como um líder vai reagir quando receber más notícias. Então, sim, é preocupante", declarou Kirby.