Notícias » Estados Unidos

Quase três meses após invasão, homem atropela policiais no Capitólio e mata um

Episódio caótico aconteceu nesta sexta-feira, 2

Redação Publicado em 02/04/2021, às 21h44 - Atualizado às 21h46

O carro após ataque no Capitólio
O carro após ataque no Capitólio - Divulgação/NBC

Os EUA viveram um episódio caótico nesta sexta-feira, 2. Quase três meses após a turbulenta invasão ao Capitólio, dois policiais acabaram sendo atropelados por um homem que passou pela barreira de proteção do local em Washington.

Levados até o hospital, um deles, infelizmente, não sobreviveu ao impacto do acidente, conforme revelado por autoridades locais. Além disso, o responsável pelo ataque não sobreviveu ao episódio após ser baleado.

O caso

Conforme repercutido pelo portal de notícias G1, autoridades do Capitólio informaram que o oficial que faleceu após o atropelamento era William Evans, que englobava a força policial desde ano de 2003.

Até o momento, a identidade do outro policial que também foi atropelado acabou não sendo divulgada. Em um cenário tomado pelo pânico, Noah Green, de 25 anos, após o atropelamento, deixou o veículo com uma faca.

Travou um embate com outras autoridades e como consequência foi baleado. As informações foram passadas por Yogananda Pittman, que atualmente é porta-voz da Polícia do Capitólio.

Após o ataque, o Capitólio foi fechado diante da justificativa de 'ameaça à segurança'. Durando aproximadamente duas horas. Além disso, duas ruas que fazem parte do centro de Washington acabaram sendo bloqueadas temporariamente.