Notícias » Arqueologia

Relevo que representa ‘águia-real’ dourada é identificado em templo asteca no México

Pesquisadores acreditam que a escultura impressionante de 600 anos esteja relacionada à guerra e ao sacrifício

Isabela Barreiros, sob supervisão de Thiago Lincolins Publicado em 02/02/2021, às 07h00

Relevo representando águia encontrado no México
Relevo representando águia encontrado no México - Divulgação - Mirsa Islas

Arqueólogos do Instituto Nacional de Antropologia e História do México (INAH) anunciaram uma descoberta impressionante feita na Cidade do México, México. Escavações realizadas em um templo asteca, localizado sob a parte moderna da cidade, revelaram um relevo curioso.

Acredita-se que a escultura, feita no chão, representa uma águia-real dourada, que possui aproximadamente 70 cm de largura e 106 cm de comprimento. O baixo-relevo apresenta um ótimo estado de conservação.

A ministra da Cultura mexicana, Alejandra Frausto Guerrero, afirmou: “Pelo que vimos nas fotos, é uma peça lindamente feita que mostra os grandes mistérios que o Templo Mayor de Tenochtitlan ainda precisa revelar".

De acordo com nota da INAH, a representação de uma águia dourada está relacionada à guerra e ao sacríficio para os astecas. Os especialistas afirmaram ainda que existe uma conexão estreita entre o sol e a ave em questão.

A descoberta, que data do reinado do imperador asteca Moctezuma I, entre 1440 e 1469, foi feita no Templo Mayor, que era o coração de Tenochtitlan, antiga capital asteca.