Notícias » Brasil

Renan Bolsonaro abriu empresa beneficiado por lobista investigado pela CPI da Covid, apontam documentos

A comissão teve acesso a mensagens trocadas entre o filho do presidente Jair Bolsonaro e o lobista Marconny Albernaz de Faria

Redação Publicado em 02/09/2021, às 09h18

Renan com o pai, Jair
Renan com o pai, Jair - Divulgação/Facebook/Renan Bolsonaro

A CIP da Covid-19 revelou na noite de ontem, 1, documentos que apontam que o filho do presidente Jair Bolsonaro, Renan Bolsonaro, abriu uma empresa de eventos favorecido por um dos lobistas investigados pela comissão. As informações são do Jornal Nacional, repercutidas pelo portal G1.

Renanteria recebido ajuda do lobista Marconny Albernaz de Faria, alvo da comissão e apontado como um intermediário da empresa Precisa Medicamentos. Embora tenham fechado acordo com o Ministério da Saúde para a venda de vacinas contra o novo coronavírus, o contrato foi cancelado por suspeita de irregularidades.

O Ministério Público Federal do Pará solicitou que as mensagens enviadas por ele em aplicativos de mensagens fossem copiadas e enviadas à CPI, que mostraram ao menos cem mensagens trocadas com o filho do presidente do Brasil.

Uma das conversas entre os dois foi divulgada pelo jornal Folha de S. Paulo, registrando um diálogo sobre a abertura da empresa. O lobista oferece ajuda a Renan Bolsonaro para conseguir abrir a firma. 

Faria diz ao filho do presidente: “Bora resolver as questões dos seus contratos!! Se preocupe com isso. Como te falei, eu e o William [de Araújo Falcomer dos Santos, advogado que o defende na comissão] estamos à sua disposição para te ajudar.”

“Show irmão. Eu vou organizar com Allan [Lucena, sócio de Renan Bolsonaro] a gente se encontrar e organizar tudo”, responde o filho do presidente.

Os dois voltam a conversar cinco horas depois, quando Jair Renan escreve para Marconny dizendo que precisa abrir um processo para registrar INPI (Instituto Nacional da Propriedade Industrial) marcas e patentes e que necessita ainda de um registro de microempreendedor individual. 

Ele recebe como resposta: “Temos que marcar uma reunião, para me dizer o que está precisando. Bora marcar na segunda.” Renan responde com “Talkey”. 

Ao mesmo tempo, o lobista conversa com o advogado William de Araújo Falcomer dos Santos, enviando a mensagem: "Posso marcar uma reunião com o Renan Bolsonaro na segunda às 16h?”, a qual ele responde: “Pode, marcado”.

Sabe-se que a empresa aberta por Renan Bolsonaro foi inaugurada em um camarote no Estádio Nacional Mané Garrincha em novembro de 2020. Como consta no registro na Receita Federal, a firma atua na área de eventos, feiras e produção de eventos esportivos.

Na Receita Federal, ainda consta que o telefone registrado é o mesmo do escritório de advocacia de William Falcomer