Notícias » Estados Unidos

Reverendo transgênero é eleito bispo pela primeira vez nos Estados Unidos

Comandando a Igreja Evangélica Luterana do país, Megan Rohrer ficará por seis anos no importante cargo

Alana Sousa Publicado em 13/05/2021, às 14h00

Imagem meramente ilustrativa de uma igreja
Imagem meramente ilustrativa de uma igreja - Divulgação/Pixabay

Na última segunda-feira, 12, a Igreja Evangélica Luterana dos EUA elegeu pela primeira vez uma pessoa transgênero não binária para ocupar o cargo de bispo. Megan Rohrer ficará responsável pela comunidade cristã de uma região do norte da Califórnia e Nevada.

De acordo com informações do G1, o reverendo de 41 anos, havia sido se tornado o primeiro pastor luterano, no ano de 2006. Rohrer já uma figura conhecida, pois, também participou da famosa série Queer Eye, que busca transformar a vida de personagens da comunidade LGBTQIA+.

“O chamado de Deus se estende a mais pessoas do que você poderia esperar, em mais lugares que você poderia esperar e com mais frequência do que você poderia esperar”, disse o revendo em publicação nas redes sociais.

Megan ainda acrescentou que “se minha eleição confunde você, que essa confusão o inspire a reparar em todas as outras coisas maravilhosas que Deus fez que você pode ter perdido”. Sua ordenação no sínodo de Sierra Pacific durará pelos próximos seis anos.