Notícias » Brasil

Ríncón passa por mais de 3 horas de cirurgia e estado ainda é grave

O ídolo colombiano sofreu um acidente grave nesta madrugada e situação é crítica

Alan de Oliveira | @baco.deoli Publicado em 12/04/2022, às 14h29

Freddy Rincón
Freddy Rincón - Getty Images

Após sofrer acidente de carro na madrugada de hoje (12), Freddy Rincón segue em estado crítico após diagnóstico de traumatismo craniano. Em uma cirurgia que se prolongou por mais de 3 horas, retornou para a UTI em Cali, cidade da Colômbia.

 "A cirurgia durou 2 horas e 45 minutos. Uma vez operado, ele foi transferido à Unidade de Terapia Intensiva. Sua condição é muito crítica. Seu prognóstico é reservado. É uma condição crítica para a qual continuaremos a implementar tudo o que for necessário. Deve ficar claro que seu prognóstico continua muito reservado", disse Laureano Quintero, chefe médico da “Clínica Imbanaco”, local onde Rincón está internado desde a manhã de hoje.

O carro do ex-jogador colidiu em alta velocidade com um ônibus, cuja a empresa responsável declarou que o estado do motorista é estável, porém, quatro pessoas acabaram tendo lesões por todo o corpo e estão sendo observadas.

Rincón é ídolo na Colômbia, defendendo a seleção por três copas do mundo (1990,94 e 98) e teve passagem brilhante pelo “Corinthians”, onde ganhou dois campeonatos brasileiros (1998 e 99), além do paulistão (99) e o Mundial de Clubes FIFA (2000).

Clubes que o atleta defendeu, como “Corinthians”, “Santos” e ‘Real Madrid”, enviaram mensagens públicas de apoio ao ex-jogador:

"Nossas orações estão com nosso campeão mundial Freddy Rincón, que se envolveu em um grave acidente de trânsito em Cali. Fuerza, Freddy!", twitou o Corinthians, enquanto o Santos desejava que o ex-atleta tivesse "toda a força do mundo".