Notícias » Brasil

RJ inicia projeto de ocupação do Jacarezinho

A operação ocorre oito meses após a chacina que ganhou destaque na imprensa internacional

Redação Publicado em 19/01/2022, às 11h59

Policiais na comunidade do Jacarezinho
Policiais na comunidade do Jacarezinho - Divulgação / Twitter / PMERJ

Teve início nesta quarta-feira, 19, uma ocupação no Complexo do Jacarezinho, comunidade localizada na zona norte da cidade do Rio de Janeiro. Em maio de 2021, 28 pessoas foram mortas na região durante uma operação policial, entre elas um agente e 27 suspeitos.

Cláudio Castro (PL), o governador do Estado, declarou por meio de publicação nas redes sociais que a medida promoverá “um grande processo de transformação das comunidades do estado”. O político ainda ressaltou que o programa, que deverá “mudar a vida de quem mora no Jacarezinho”, foi desenvolvido ao longo de meses.

De acordo com informações da CNN, atuam na operação equipes tanto da Polícia Militar (PM) quanto da Polícia Civil, totalizando 1.200 agentes. A assessoria de imprensa da PM informou, por meio de nota, que também serão policiadas comunidades próximas, como Manguinhos, Bandeira II, além do Conjunto Morar Carioca.

"A ação conta com 1.200 policiais, sendo 400 civis e 800 militares, e também visa a cumprir 42 mandados de prisão e 14 de busca e apreensão", diz o comunicado divulgado nesta quarta-feira, 19.

Segundo o portal de notícias, a assessoria também informou que o governo deu início a uma operação no Complexo de Muzema, área que se encontra sob forte influência de milícias.