Notícias » Iraque

Roubados pelo Estado Islâmico, manuscritos cristãos são recuperados no Iraque

32 livros foram encontrados na cozinha da residência de um suposto membro da organização

Isabela Barreiros Publicado em 23/09/2020, às 14h43

Livros recuperados em Mosul, Iraque
Livros recuperados em Mosul, Iraque - Divulgação/Ninevah Police

No distrito de Bab Al Jadid, na cidade velha de Mosul, no Iraque, forças de segurança iraquianas recuperaram ao menos 32 manuscritos bíblicos muito antigos que haviam sido roubados de uma igreja da região. 

Acredita-se que a ação tenha sido executada por um possível membro do Estado Islâmico, que tornou a cidade sua capital entre os anos de 2014 e 2017. O roubo teria acontecido em algum momento nesse período e até agora os artefatos permaneceram desaparecidos.

Crédito: Divulgação/Ninevah Police

 

A polícia recuperou os livros na última madrugada, depois de prender um possível membro da organização. Eles foram descobertos na cozinha da residência do indivíduo, que os mantinha escondido a salvo. 

Em comunicado, Laith Al Hamdani, chefe da polícia de Mosul, afirmou: “A prisão de um suposto membro do ISIS resultou na recuperação de 32 livros arqueológicos que estavam em sua posse. O homem escondeu os livros em sua cozinha”.