Notícias » Rússia

Rússia: Pilotos são investigados por desenharem pênis no ar durante voo doméstico

A manobra aérea, que não foi autorizada, teria sido em solidariedade a um atleta que sofreu o vazamento de um vídeo íntimo

Ingredi Brunato Publicado em 18/11/2020, às 15h00

Fotografia da rota modificada para criar o formato do órgão genital
Fotografia da rota modificada para criar o formato do órgão genital - Divulgação

Pilotos russos estão sendo investigados por terem feito uma rota incomum em um voo doméstico da Pobeda Airlines na quarta-passada, traçando uma forma de pênis no ar, e causando a chegada ao destino final com vinte minutos de atraso. 

O ato teria sido um símbolo de solidariedade em relação ao jogador de futebolArtem Dzyuba, que foi suspenso da seleção russa após o vazamento por hackers de um vídeo onde se masturbava.

Segundo relatórios da companhia aérea Pobeda Airlines, os pilotos não teriam autorização para realizar essa mudança de rota. Outro problema, levantado por um jornalista do veículo russo “avid.ur”, que é especializado em aviação, seria que a atitude foi “extremamente perigosa porque a densidade do tráfego na região é alta e os corredores aéreos são estreitos”. 

Em vista dessas questões, a Agência Federal de Transporte Aéreo da Rússia está realizando a investigação do caso, que pretende determinar se os pilotos “ultrapassaram os limites” com a manobra aérea.